logo_cemig

CEMIG

SUMÁRIO

CATEGORIA: Gestão de Segurança e Saúde no Trabalho

PROJETO: “Redesenhando o SESMT - Integração e Regionalização”

No ano de 2005 a Diretoria da Cemig, face às mudanças nas características das atividades do setor elétrico e em função de seus resultados inferiores aos esperados em relação à saúde, segurança ocupacional e bem-estar, iniciou uma reestruturação de seu SESMT de forma a propor um atendimento personalizado e direcionado para as áreas da empresa, sejam estas administrativas ou operacionais. Para isto, foi realizada uma integração de todo o SESMT e, no dia 06 de dezembro de 2005, aconteceu a primeira reunião deste SESMT Integrado da Cemig onde foram propostas diversas medidas para incremento das ações necessárias para reverter o quadro estatístico da empresa até aquela data. Foram ouvidos todos os integrantes e, desta data em diante, diversas ações, abaixo relacionadas, foram implementadas ou estão em processo de implementação de forma ativa e estruturada na empresa.

Como início das ações e em função das características dos riscos atuais das concessionárias de energia elétrica do Brasil foi necessária a inclusão dos psicólogos e assistentes sociais, oficialmente no SESMT da empresa, para apoio nos trabalhos relacionados aos riscos adicionais, definidos na NR-10 e cada vez mais presentes nas empresas.

Foi sugerido e aprovado um programa de reciclagem anual e permanente para todo o SESMT e realizado em fevereiro de 2006 a primeira etapa com a participação de 121 profissionais do SESMT Integrado Cemig. Estas reciclagens passaram a fazer parte do calendário anual do SESMT e, atualmente, contam com a participação de profissionais da Cemig e de empresas contratadas, com vistas a igualar as condições de trabalho entre pessoal próprio e contratadas.

Pelas características da Cemig que possui a segunda maior área de concessão do Brasil, a maior frota do setor elétrico brasileiro com deslocamentos que chegam a 150 milhões de quilômetros por ano para todos os veículos, sejam estes próprios ou contratados, o maior número de municípios atendidos, maior número de clientes e a maior rede de distribuição de energia elétrica da América Latina, foi necessário criar uma regionalização de seu SESMT como forma de melhorar o atendimento às bases operacionais da empresa em todo o estado de Minas Gerais. Pra isto foram criados sete SESMTs regionais com autonomia para fazer todas as discussões de forma regionalizada o que proporcionou uma tomada de decisões muito mais rápida.

Com a aprovação da NR-10 em dezembro de 2004 foi necessário um empenho acima do anteriormente realizado para possibilitar um melhor atendimento às questões colocadas nesta norma. Entre as diversas atividades uma das que mereceram destaque foi a formatação dos cursos básico e complementar, padronizados pelo SESMT em conjunto com o Centro de Formação Profissional da Cemig em Sete Lagoas e ministrados por profissionais próprios de segurança, saúde e bem-estar, cada um com a sua habilitação. Esta decisão foi tomada com o objetivo principal de manter os profissionais do SESMT junto aos empregados ligados ao SEP - Sistema Elétrico de Potência por pelo menos 40 (quarenta) horas no ano. Desta forma a Cemig conseguiu treinar cerca de 6.000 empregados por ano num total de 240.000 horas de treinamento em 2006 e outras 240.000 horas de treinamento em 2007.

Com a mudança da legislação relacionada à aposentadoria especial para profissionais de área de risco elétrico foi necessário uma reformulação geral do programa “Energia Vital” tendo o foco principal nos profissionais desta área. O objetivo principal desta revitalização foi proporcionar a estes empregados melhorias das condições de saúde, necessárias à realização das atividades que necessitam de maior atenção, pressão arterial controlada e dentro dos limites e, ainda, peso dentro dos padrões necessários à realização de atividades que possuem postura inadequada, trabalho de turno e outros riscos.

Foi desenvolvido, como medida necessária, a revitalização de todo o programa de primeiros socorros na empresa de forma a reciclar nos anos de 2006 e 2007 todos os empregados das áreas de risco, membros de CIPA e brigadistas com carga horária mínima de 8 ou 12 horas e reciclagens bienais.

Para atuar em um dos riscos adicionais inerentes ao setor elétrico brasileiro foi feita toda a reformulação da forma de autorização para a condução de veículos na empresa através de cursos de direção defensiva e responsável focados para as principais causas de acidentes com veículo na empresa e, de forma inovadora, foi lançado um curso intitulado “Orientações On-line Sobre Direção Defensiva e Responsável” para 100% dos empregados da Cemig, realizado de forma compulsória por todos os empregados da empresa, sendo estes motoristas habilitados ou não a dirigir veículos da empresa. O objetivo principal foi o de dar as orientações para motoristas e passageiros.

Dentro desta reestruturação foi implementado um trabalho chamado de Inventário Social cujo objetivo principal foi a de ouvir as demandas dos empregados de áreas de riscos relacionadas às questões sociais que interferem na saúde, segurança ocupacional e bem-estar destes, sejam estes fatores internos ou externos à empresa. Além deste trabalho foram reestruturados e adaptados os programas de Preparação para Aposentadoria e Materno Infantil, voltados aos empregados que estão para se aposentar e aos “casais grávidos”, respectivamente.

Com as mudanças propostas e realizadas foi necessária uma reestruturação da área de saúde da Cemig com maior foco nos levantamentos ergonômicos e estudos de ausentísmo, o que proporcionou um maior direcionamento das ações do SESMT na empresa.

A segurança com a população ganhou toda uma estrutura própria e padronizada de forma corporativa com o objetivo principal de atender ao seu público alvo. Implementada no início de 2006 para ser realizada na semana do aniversário da Cemig, 22 de maio, tomou corpo e hoje se tornou uma campanha permanente na empresa com atendimento direto a mais de 250.000 pessoas por ano em palestras realizadas em escolas e em obras de construção civil.

Para suportar toda esta reestruturação foi feita uma alteração na campanha de segurança que deixou de ser anual para se tornar permanente e sob o nome de “Regras de Ouro de SSO&BE - Saúde, Segurança Ocupacional e Bem-estar”.

Home | Prêmio Fundação COGE | Conheça o Prêmio | Premiação | História do Prêmio | Galeria de fotos | Organização |